VESTIBULAR - MÍNIMO "BÁSICO" PARA CADA MATÉRIA
"Mínimo básico" que você precisa saber para se sair bem no vestibular

Matemática

Estude álgebra, geometria, trigonometria e geometria analítica. Há questões que não dependem de conhecimento. Nessas perguntas o texto fornece tudo e basta que o candidato leia com atenção e faça uma boa interpretação. 

Química 

Estude ligações atômicas e forças intermoleculares; conceito de mol; cálculo estequiométrico; oxidante e redutor; ácido, base, sal e óxido; concentração de solução; cinética química; equilíbrio químico; pilha e eletrólise; calor de reação; pH; funções orgânicas 

Física 

Verifique: movimento circular e uniforme, composição de movimentos, força centrípeta, lei de Arquimedes, dilatação dos líquidos, espelhos planos e esféricos, equação fundamental da ondulatória, resistores elétricos, lei de Coulomb (força eletrostática), movimento de partículas eletrizadas. 

História 

Interprete e não decore: escravismo antigo e escravismo colonial, cultura clássica e renascimento cultural, feudalismo e capitalismo, índio, negro e branco na formação social brasileira, ditaduras militares na América Latina, nova ordem mundial e globalização. 

Biologia 

Estude questões básicas: estrutura e função dos componentes celulares, divisão celular, leis de Mendel, genética dos grupos sanguíneos, processos de digestão, respiração, circulação e excreção, regulação hormonal e nervosa, fisiologia vegetal e efeitos dos principais poluentes. 

Geografia 

Atenção para questões que se relacionam com fatos recentemente noticiados pela mídia. São prováveis questões sobre vulcões ativos, muçulmanos, Filipinas, Indonésia, clima, vegetação, população, industrialização, desenvolvimento tecnológico e migração. 

Inglês 

As provas atuais enfatizam a leitura e a compreensão de textos. Tenta-se averiguar a capacidade de ler e entender um texto em língua estrangeira. É essencial ter um bom vocabulário e o hábito da leitura. Questões gramaticais: tempos verbais, verbos anômalos, voz passiva e discurso indireto 

Redação 

Os temas geralmente são atuais, polêmicos, presentes na mídia. É preciso redigir com argumentos consistentes. Temas possíveis: questões ambientais ou sociais como a violência, a distribuição de renda e os preconceitos. 

Evite o lugar comum. Alguns vestibulares surpreendem com um tema subjetivo. Seja claro, conciso e objetivo. Não desvie do assunto. 

Português e Literatura 

É importante estar em dia com as leituras sugeridas pelo vestibular , por exemplo, a FUVEST e UNICAMP pediram o seguinte: 
   

Livros FUVEST e UNICAMP – 2013 a 2015

  • Viagens na minha terra – Almeida Garrett;
  • Til – José de Alencar;
  • Memórias de um sargento de milícias – Manuel Antônio de Almeida;
  • Memórias póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis;
  • O cortiço – Aluísio Azevedo;
  • A cidade e as serras – Eça de Queirós;
  • Vidas secas – Graciliano Ramos;
  • Capitães da areia – Jorge Amado;
  • Sentimento do mundo – Carlos Drummond de Andrade.

À primeira vista, essa lista impressiona e até assusta um pouco. Mas fique frio que a maioria desses livros podem ser lidos em apenas três ou quatro dias cada um. A leitura dessas obras clássicas é uma experiência enriquecedora e única. É como se fosse uma máquina do tempo que nos transporta ao passado. É uma janela aberta para uma realidade diferente da nossa. 

Certa vez, quando lia um livro do fabuloso Machado de Assis, dei-me conta de como a vida mudou radicalmente em apenas cem anos. Valores corriqueiros naquela época hoje são vistos como esquisitos e até sem sentido... 

Os vestibulandos certamente acharão agradáveis as respectivas prosas de Mário de Andrade, João Guimarães Rosa, Graciliano Ramos e João Cabral de Melo Neto, porque são mais próximas de nosso linguajar atual. Certos autores como Machado de Assis, Eça de Queirós e Camões escrevem de maneira mais formal e suas obras exigirão um pouco mais de paciência. 

A melhor época para ler esses livros todos é o primeiro semestre porque os vestibulandos costumam estar mais tranquilos nessa fase. O segundo semestre, mais corrido e estressante, revela-se inadequado para aproveitar bem a leitura. No segundo semestre, há uma vontade de liquidar logo esse dever e, assim, o rendimento da compreensão dos textos declina uns 50%. 

Recomendo concentrar a leitura dos livros obrigatórios nos meses de abril, maio e junho e reservar os meses posteriores para ler resumos críticos das obras para captar aspectos importantes que às vezes não percebemos numa primeira leitura. 

O segundo semestre deve priorizar matérias cheias de fórmulas como Química, Física, Biologia e principalmente Matemática. O primeiro semestre destina-se melhor à leitura calma, mas atenta, dos dez livros. 

Você notará como escreverá melhor, que redação deixará de ser um assombro, redigirá com mais rapidez e desenvolverá melhor suas ideias. Nenhum enunciado erudito/pedante vai tascar aquela nota máxima que você merece tirar. 

Uma das características marcantes dos jovens que entram na USP em boas classificações é que eles leem muito. Talvez não consigam ter tempo de ler todos os dez livros da lista, mas leem pelo menos sete ou oito. 

Os resumos ajudam a cristalizar na memória os fatos principais de um romance ou poesia, mas lê-los antes de degustar os livros obrigatórios é como pegar o bonde andando. Você corre um sério risco de tombar feio e de perder seu tempo, sem compreender detalhes importantes da obras que somente são captados plenamente com sua leitura integral. 

Além disso, já vi alguns resumos por aí cheios de besteiras colossais que desvirtuam fatos centrais das obras. A melhor maneira de se proteger dessas besteiras (que, se usadas como resposta numa prova, podem até acarretar nota zero na questão!) é ler os livros mesmo. 

Essa leitura pode ser altamente prazerosa e recompensadora. A maioria dos livros é muito agradável de se ler. E você ainda corre um sério risco de entrar numa ótima faculdade. 

Além disso a gramática e ortografia são fundamentais. 

Maria Tereza Gomes Basile - Tetê
 
             Resultado de imagem para icone google mais        
 
 




TEL: 3022-2263 3022-2264
Basile Estudo Orientado - Aulas ParticularesAULAS PARTICULARES VESTIBULAR VESTIBULINHO ESTUDO ORIENTADOREDAÇÃOORIENTAÇÃO PROFISSIONALCOACHING PSICOPEDAGÓGICO E EDUCACIONALDEPOIMENTOS DE PAIS E ALUNOSPSICOPEDAGOGIADICAS e ARTIGOSBLOGALUGUEL DE SALAS